5 mitos sobre concursos públicos.

Já tive minha época de pensar em concursos.  E se teve alguma coisa que aprendi é que nem sempre as coisas são como falam. Aqui vão os 5 maiores mitos em relação ao tema:

1 “O estudo é cumulativo, você pode achar que é muita matéria, mas você vai aprendendo aos poucos e no fim chega lá” – MITO-

Não, o estudo não é cumulativo. Por 2 motivos. Primeiro que as provas se baseiam em leis e jurispruências muito recentes. Isso quer dizer que com o tempo uma parte considerável do que você aproveitaria passa a ser old news e aí já era. Segundo porque a matéria que cai nos concursos tem 2 características: extensa e superficial. É muito mais fácil adquirir um conhecimento duradouro sobre um assunto estudado com muita profundidade, como é o caso de quem faz uma tese de doutorado ou mesmo de alguém que se prepara muito bem para um debate. Já conhecimentos superficiais e extensos ficam majoritariamente com a memória, já que é muito mais rápido memorizar tudo do que perder um tempão buscando as raízes mais complexas daquele conteúdo. Ou seja, você precisa de um esforço constante para manter o que já estudou. A cumulatividade até existe, mas bem menos do que fazem parecer.

2 “Existe uma espécie de fila. Hoje você pode ficar em uma colocação ruim, mas os que estão estudando há mais tempo vão entrando e você vai subindo até chegar lá” -MITO-

Isso é uma decorrência do primeiro mito. Se o conhecimento é cumulativo então nada mais lógico do que cedo ou tarde você terá condições de conseguir passar. Mas não funciona assim. A lógica é: existem pessoas que tem maior capacidade de absorver aqueles conhecimentos do que outras, assim como existem pessoas que tem grande resistência para estudar muitas horas, o que outras não tem. Não importa que você esteja estudando há  anos. Se aparecer um cara que tenha capacidade de absorção/resistência bem maiores que a sua fatalmente ele vai te passar e entrar antes de você.

3 “Não tenho disciplina para estudar sozinho, então vou entrar em um curso para conseguir passar” -MITO-

Os cursos até podem ajudar, dando algum conteúdo relevante. Mas nunca vi nenhum onde não tenham mandado o aluno matar de se estudar por conta própria, ou então não ia adiantar nada. Deixam a maioria do trabalho para o aluno sozinho mesmo. Bem diferente de alguns cursos pré-vestibular que dentro de seus métodos tem exigências periódicas que acabam forçando o aluno a sempre estar estudando. Em cursos de concursos nunca vi esse direcionamento.

4 “A área de Direito é muito promissora, pois existem vários concursos pedindo profissionais de lá” -MITO-

OK, é uma meia verdade. Realmente existem muitos concursos. Mas isso acabou gerando uma corrida insana de pessoas se formando em Direito só para prestar concurso. Resultado: relação candidato/vaga nada atrativa, perde para várias outras áreas. Já vi engenheiros formados há muito tempo fugindo de sua área de origem e estudando Direito só para conseguir sua vaguinha no serviço público. Não é a toa que a proliferação das faculdades de Direito é cada vez maior. E o mercado fica saturado. Existe até um “sub-mito” ligado a esse: “ah, a relação candidato/vaga é alta mas alguém tem que passar”. Realmente. Mas certamente vão passar aqueles que tiverem ao seu lado os fatores absorção/resistência e não quem “pensa positivo”.

5 “Concurso público é sempre melhor do que tentar a sorte na iniciativa privada, já que o salário é muito melhor”. -MITO-

Quem consegue enxergar alguma área carente na iniciativa privada e se especializa nela pode conseguir salários até maiores do que do serviço público. Além disso, ainda que a pessoa passe no concurso existem as consequências. Anos estressantes de estudo podem vir a ser anos perdidos na sua vida pessoal e profissional. Podem até comprometer a saúde da pessoa. Pessoalmente já vi casos assim, insegurança, depressão, crises nervosas.

Enfim, não quero dizer que concurso não valha a pena. Para algumas pessoas é uma opção muito boa. Só quero dizer que não é a maravilha que pintam. Assim como tudo na vida, você precisa pesar muito bem os prós e contras, sua personalidade, se você realmente gosta do que está fazendo. Não se esqueça que você pode passar os próximos anos nessa vida. Não é nenhuma “corrida do ouro”, e sim um projeto sério e arriscado. O resto é propaganda de cursinho para ganhar aluno…

One Response to “5 mitos sobre concursos públicos.”

  1. jennysakura

    HAhahahaha! Adorei o post! Muito sábio! Acho que muita gente vê concurso público como se fosse uma mina de ouro e enterram muitos anos em tentativas frustradas… quando se dão conta, já perderam mta coisa e não chegaram a lugar nenhum…

    Além deeses fatores, ainda é preciso levar em conta a corrupçãao, né? Todo mundo sabe que muita gente entra de peixinho >_<

    =*

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s